sexta-feira, 26 de março de 2010

Jordânia - Petra


A partir do dia 5 até 8 de abril, estaremos em terras da Jordânia. Este país tem uma
História complicada. Até hoje briga com seus vizinhos: sírios, iraquianos, egípcios, israelitas e palestinos. Tem como capital Amã e sua população está em torno de 6 milhões de habitantes. De seu passado herda a famosa cidade de Petra, início da novela brasileira de Viver a Vida, e talvez só por isso conhecida pelos brasileiros. A partir da capital iniciaremos nossos passeis pelos principais lugares turísticos.
Já no primeiro dia faremos uma visita a Jerash, uma das cidadesDecápolis. Em seguida iremos ao Arco do Triunfo, a praça ovalada, o templo de Afrodite e finalizando, o teatro romano.
No dia seguinte, faremos uma visita panorâmica da cidade de Amman.Na continuação, Madaba para visitar a Igreja Ortodoxa de San Jorge, ondese encontra o primeiro mapa-mosaico de Terra Santa. O Monte Nebovisitado por Moisés que avistou a Terra Prometida, na qual nunca chegaria.
Dando continuidade nos deslocaremos para Petra, patrimônio cultural da humanidade. Antes de Cristo pertenceu aos Edomitas, israelitas. Persas, nebateus,fundadores da cidade-estado. Após, passou para o domínio do Império romano, sendo conquistado por Pompeu. Com o advento do cristianismo passou para o domínio bizantino. Sofreu dois terremotos, sendo que pelo segundo não se recuperou mais. Na idade média foi redescoberta, principalmente pelos trabalhos de Johann Ludwig Burckhardt (1812), tendo o primeiro estudo arqueológico científico sido empreendido por Ernst Brünnow e Alfred von Domaszewski, publicado na sua obra Die Provincia Arabia (1904).No terceiro dia, todo ele dedicado à cidade rosa, a capital dos Nabateos. Conheceremos os mais importantes e representativos monumentos esculpidos na rocha pelos Nabateos. OTesouro, as Tumbas de cores, as Tumbas reais, o Monastério.

Nenhum comentário:

Postar um comentário